terça-feira, 31 de janeiro de 2012

 Você pode ter o maior motivo do mundo para estar feliz, mas por menor que seja o motivo para te entristeçer ele é o que prevalece, o que é mais intenso. ://